quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Escrito por uma anônima


Apenas uma garota
com um sorriso quebrado
Ela ainda não sabe o que é o amor
A sensação, o toque
Ela quer aprender a amar
E sobretudo, ser amada

Ao contrário do que dizem
Ela não é interesseira
Não é egoísta
Apenas ingênua e inocente
Acredita nas pessoas acima de tudo
E sofre muitas vezes por isso

Mas um dia vai chegar
Após longos outros dias
Chegou a hora da borboleta
Acabou-se a hibernação
Ela nasceu pra brilhar
E todos verão isso...



3 comentários:

Renata disse...

Ateh parece gente... :P


:D

Chloe disse...

Nossaa...
Que poema lindoooooooo
Lindíssimo!!!

Adorei mesmo!
Mto bom!!

Bjuss, migoo

Alice disse...

Oi amigo! Vim visitar mesmo. Está ficando bacana a variedade de assuntos, mas as dicas de formatação, pra se tornar mais atraente vou te dar lá no depoimento do orkut. Vá enfrente é um belo exercício pra mente e tb uma forma de interagir com outros blogueiros. Beijos. Continue.